Amamentar: mais que um direito, um benefício para toda a família

tag Tags || Amamentação

1

ago

2013

AmamentaçãoO leite materno é considerado o alimento mais completo para o bebê. Esta frase é conhecida por nove em cada dez mães. No entanto, devido ao corre-corre do mundo moderno, muitas mães são obrigadas a inserir outras formas de alimentação muito cedo no dia a dia de seus bebês. Como forma de chamar a atenção para o fato, a Sociedade Mineira de Aleitamento Materno realiza, no próximo sábado, dia três de agosto a partir das 10:00h, no Parque Municipal de Belo Horizonte, um evento marcando o início da Semana Mundial da Amamentação.

Com o tema “Aconselhamento e Amamentação, Minas em ação”, os organizadores pretendem chamar a atenção da população em geral para a importância do incentivo à amamentação. “Os benefícios do aleitamento materno são enormes, tanto para as mães, ajudando na prevenção do câncer de mama e ovário – como para os bebês, que crescem mais fortes e inteligentes, e para ambos através do fortalecimento do vínculo afetivo. Toda a família, de uma forma geral, ganha quando a mãe amamenta”, explica Cleonice Liboreiro Motta Ferrari, presidente da Sociedade Mineira de Aleitamento Materno.

Para ela, que é enfermeira obstetra e educadora, quando a família compreende as inúmeras vantagens de se amamentar o recém-nascido, todos se envolvem no processo. “Pais, irmãos, tios e avós incentivam e auxiliam. Amamentar melhora a qualidade de vida das crianças e de toda a família”, ressalta.

No sábado, além de oficinas educativas, as crianças poderão se divertir e aprender, através de brincadeiras lúdicas, as mães terão acesso à informações sobre amamentação e o cuidado que devem ter com os recém-nascidos, além de orientação para pais, avós e demais membros do núcleo familiar.

O evento conta com o apoio de entidades como o Hospital Vila da Serra, as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde e da Pastoral da Criança, dentre outras.

Vantagens para o bebê
· O leite materno, contém todos os nutrientes de que a criança precisa nos primeiros seis meses de vida;
· Tem água em quantidade suficiente. Mesmo em clima quente e seco o bebê que apenas mama no seio não precisa nem mesmo de água;
· Contém proteína e gordura mais adequadas à criança;
· Vitaminas em quantidades suficientes. Não há necessidade de suplementos vitamínicos;
· Embora não possua grande quantidade de ferro, este é melhor absorvido no intestino da criança;
· Possui quantidades ideais de sais, cálcio e fósforo;
· É de fácil digestão, ou seja, é mais facilmente absorvido pelo bebê que mama com maior frequência do que por aqueles que utilizam outros tipos de alimentos.

Faça seu comentário